EnglishPortugueseSpanish

SIIP – Sistema Inteligente de Identificação de Pragas

Resumo do projeto

O presente projeto consiste em um método autônomo para identificar pragas e doenças em plantações de alfaces, por meio de uma Inteligência Artificial. Atualmente, os agrotóxicos são aplicados de forma geral e uniforme nas lavouras, com uma quantidade excessiva do veneno. Porém, apesar de sua importância, eles trazem inúmeros problemas para a sociedade. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 193 mil pessoas no mundo perdem a vida todos os anos por exposição a substâncias químicas nocivas, além de serem registradas 20 mil mortes por ano, devido o consumo de agrotóxicos. Sendo assim, o projeto tem como objetivo criar um sistema capaz de identificar os vegetais doentes em uma plantação e, consequentemente, restringir a aplicação de agrotóxicos em alfaces não saudáveis. Para isso, foi desenvolvida uma rede neural convolucional, com um conjunto de dados próprio. As fotos foram coletadas em artigos científicos e em banco de dados disponíveis na internet. Além disso, foram plantadas alfaces nas residências dos membros do projeto e, também, foram visitadas duas lavouras particulares, para que fosse possível expandir o conjunto de fotos das hortaliças. O conjunto de dados foi dividido em duas classes: saudáveis e doentes, e teve, no total, cerca de 300 imagens. Foi criado um protótipo, cuja função é realizar autonomamente a identificação das alfaces, por meio da rede neural desenvolvida, e lançar água através de uma motobomba, simulando a aplicação do agrotóxico nas plantas doentes. A comprovação da eficácia foi realizada por meio de testes em modelos-pilotos, com mudas de alfaces e fotos da planta, diferentes das que foram selecionadas para o treinamento da rede. O estudo foi realizado com alfaces por conta do fácil acesso, da praticidade da amostra e pelo rápido crescimento da hortaliça. Com os resultados da presente pesquisa, sugere-se que o projeto possa ser adaptado para outros tipos de plantas, como, por exemplo, soja e arroz, ou, também, identificar problemas mais específicos, além de doentes e saudáveis. Após implementado o modelo escolhido ao protótipo, obteve-se um resultado positivo e satisfatório, com um sistema capaz de identificar autonomamente as alfaces com 80% de precisão.

Alunos

Angelo Serpa Ferreira
Bruno Rodrigues Fernandes dos Anjos
Conrado Maia Heckler

Orientadores

Augusto Bemfica Mombach
Jeferson Cristiano Wiederkehr

Instituição

Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha
Novo Hamburgo /
  RS –
  Brasil

Votação popular*

Gostou? Então vote e compartilhe agora:

140+

Deixe seu comentário

O que você achou deste projeto? Participe deixando seu comentário a seguir:

Subscribe
Notify of
guest
13 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Luana
Luana
4 meses atrás

ParabénsÂngelo, Bruno e Conrado!!! Gostamos muito do seu trabalho, somos uma empresa e queremos lhe incentivar em relação ao futuro.
Nos chame no whatsapp 982951815
E boa sorte no seu projeto ❤

5+
Leo Weber
Leo Weber
4 meses atrás

Parabéns. Excelente trabalho.

3+
Deise Margô Müller
Deise Margô Müller
4 meses atrás

Se eu me lembro de vocês 3 no segundo ano!!! Parabéns pela dedicação e pelo trabalho! Fico muito feliz pelo desenvolvimento de vocês, jovens de garra e persistência! Parabéns!

3+
Ana Fernandes
Ana Fernandes
4 meses atrás

Parabéns guris!! Excelente trabalho e apresentação!!! Abraços

3+
Liliana
Liliana
4 meses atrás

Parabéns!!
Ótimo trabalho.

3+
Neimar de Freitas
Neimar de Freitas
4 meses atrás

Parabéns! Ótimo trabalho! Grande gama de aplicações!

3+
vera adams
vera adams
4 meses atrás

Parabéns pelo projeto!!

1+
Berci Francisco Nicoli
Berci Francisco Nicoli
4 meses atrás

Parabéns pelo excelente trabalho em prol da redução do uso de agrotóxicos.
Grande abraço e sucesso…

1+
Lorelei
Lorelei
4 meses atrás

Parabéns aos envolvidos , escelente projeto muito bom .

2+
Rosélia da Silva
Rosélia da Silva
4 meses atrás

Parabéns ao grupo, a apresentação do projeto e protótipo com linguagem clara e didática.

3+
Vanderlei
Vanderlei
4 meses atrás

Parabéns para os alunos da Fundação Liberato envolvidos neste excelente trabalho com visão para o futuro e com ênfase para a natureza…

3+
Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo
4 meses atrás

Muito bom gurizes

3+
Matheus Linares
Matheus Linares
4 meses atrás

Parabéns a todos os realizadores do trabalho. Temática extremamente pertinente e importante atualmente, dado o cenário atual de grande liberação e utilização de agrotóxicos nos solos brasileiros. Excelente apresentação e projeto.

3+

Votação popular*

Gostou? Então vote e compartilhe agora:

140+

Alunos

Angelo Serpa Ferreira
Bruno Rodrigues Fernandes dos Anjos
Conrado Maia Heckler

Orientadores

Augusto Bemfica Mombach
Jeferson Cristiano Wiederkehr

Instituição

Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha
Novo Hamburgo /
  RS –
  Brasil

Prêmios e Incentivos Educacionais Oferecidos

Conheça outros projetos

Confira a apresentação de outros projetos científicos que também estão concorrendo:

ITU ETA VAKFI BOSTANCI DOGA KOLEJI ANADOLU LISESI
Istanbul /
Atasehir / Icerenkoy –
Turquia (Türkiye)
Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha
Novo Hamburgo /
RS –
Brasil
13
0
Clique para deixar seu comentário e participar!x
()
x

Premiação Júri Popular

Para a premiação do Júri Popular, só serão considerados válidos os votos únicos (um por usuário) e que forem realizados entre 0:00 de 09/12 às 23:59 de 10/12.